Em meio à crise, empresas terceirizam estruturas de TI para garantir competitividade no mercado

Seguindo tendência mundial, estratégia tem como objetivo reduzir custos e aumentar a eficiência dos negócios. Segundo especialista, a principal aposta é a terceirização de Data Centers

 

Em um mercado cada vez mais competitivo e influenciado por rápidas transformações econômicas e tecnológicas, repensar as prioridades operacionais e organizacionais para construir uma operação rentável se tornou um desafio para as empresas. E entre as soluções encontradas para direcionar os investimentos de forma eficiente – principalmente em tempos de crise – uma aposta é a terceirização de serviços que dão suporte à operação, como os ligados à área de tecnologia da informação, em especial os Data Centers.

De acordo com pesquisa realizada pela consultoria Gartner, empresas que terceirizam estruturas de Data Center garantem a consolidação e a constante modernização de seu centro de dados, o que possibilita que se tornem ágeis no mercado ao mesmo passo em que conseguem controlar os custos e manter a competitividade.

Segundo o diretor técnico da ISH Tecnologia, Renato Jager, a terceirização dos serviços de tecnologia pode representar uma economia de 20% a 30% para as empresas, além de possibilitar que o empreendedor foque especificamente em seus negócios, aumentando sua eficiência.

“Na tecnologia, tudo é muito rápido e efêmero. Por isso, as estruturas de TI das empresas se tornam ultrapassadas rapidamente. Ao terceirizar o serviço, o empreendedor não precisa se preocupar com atualizações, solução de problemas e nem com a troca equipamentos, pois essas atividades são realizadas por uma empresa especializada a um custo menor”, explica.

A terceirização possibilita também que os espaços físicos destinados à área de tecnologia nas empresas sejam utilizados para outras atividades. “Além disso, a equipe de TI da corporação, que tem a tarefa de entregar serviços cruciais para a empresa de forma confiável, rápida e eficiente, pode focar na administração do setor, representando a ponte entre a empresa contratante e a empresa contratada”, explica Jager.

Por esses motivos, segundo o Gartner, a utilização de um Data Center próprio é indicada somente para grandes empresas. Para as demais, a terceirização representa o melhor custo-benefício. Com clientes em todo o Brasil, a ISH Tecnologia terceiriza seu Data Center para grandes grupos, que utilizam seus equipamentos e mão de obra para garantir a consolidação e a modernização do centro de dados.

“Na prática, os clientes transferiram seus servidores e serviços de telecomunicação para a estrutura física de Data Center da ISH, o que representa atualização, manutenção e acompanhamento constante e ininterrupto aos sistemas das empresa contratantes”, finaliza Renato.